Assistir Novelas

No território brasileiro, assim como também ocorreu nos Estados Unidos, as primeiras novelas começaram a surgir na década de 50. O que fez com que as novelas começassem a ganhar espaço na televisão foi a grande aceitação nas rádios, o que até a descoberta da TV, era o mais popular meio de comunicação. Sendo assim, aquilo que começou nas rádios nos anos 30 começaram a se adaptar para o audiovisual, onde ganharam ainda mais destaque. Assim, assistir novelas se tornou um hábito para os brasileiros.


No ano de 1951 a primeira telenovela realmente reproduzida no Brasil foi ao ar, a novela "Sua Vida me Pertence". A primeira novela contou com 15 diferentes capítulos que foram exibidos entre terças e quintas pela TV Tupi. O principal destaque é para o fato de que a telenovela foi passada ao vivo, ou seja, os autores gravavam no momento em que já estavam passando na TV, e cada um dos capítulos eram planejados antes, porém, gravados ali mesmo, no momento de exibição.


Porém, foi nos anos 60 que a novela brasileira começa a ganhar alguns aspectos de como ela se apresenta hoje na vida do brasileiro: diariamente. O motivo na época era claro: poder cativar ainda mais a audiência da população, já que a ideia de ter trazido as novelas para a televisão foi uma boa jogada de aumento de público nas emissoras. Os capítulos, agora, eram gravados graças ao videoteipe, e a exibição então diária.


Porém, essa não foi uma invenção totalmente brasileira, já que as primeiras novelas em tal formato foram na realidade adaptações das novelas de outras partes da América Latina, como a Argentina. Além disso, Cuba também foi um percursor da teledramaturgia no Brasil. Porém, o destaque vai mesmo para as novelas mexicanas, que inclusive, são conhecidas e famosas até os dias de hoje, por serem novelas mais emocionais, dramáticas e cheias de sentimentos. Entre algumas das novelas que fizeram a cabeça do povo entre 1960 e 1970, podemos dar destaque para "O Direito de Nascer", "Irmãos Coragem" e "A moça que veio de longe".


Mas foi então no final de 1960 que as novelas realmente começam a ganhar características unicamente brasileiras, já que antes, ou eram seguidoras do drama mexicano, ou outras adaptações produzidas na América Latina. Com Walter Avancini como diretor, em 1968 surge a primeira novela que fora mesmo produzida no território brasileiro, pela TV Tupi: a Beto Rockfeller.


A novela, por sua vez, teve diálogos mais coloquiais, com um enredo mais descontraído, temas mais cotidianos e bem-humorados, e com destaque ainda para a estética bem moderna e a trilha sonora ao som de música pop, dando ao formato finalmente a cara do Brasil.


E foi com o sucesso da primeira edição que várias emissoras já começaram a largar dos modelos latinos para dar início à produção das suas próprias telenovelas. Em 1969, "Véu de Noiva" foi transmitida pela Globo. A partir dos anos 70, as novelas começam a dominar a televisão e os índices de audiência para esses programas são altíssimos em todas as emissoras, além é claro, da grande fatia que pegava do mercado publicitário. As emissoras Tupi e Globo foram as pioneiras e que mais produziam durante a época.

Novela Em Família

A novela Em Família foi exibida no famoso horário das 21h, horário pelo qual as novelas da rede Globo possuem maiores pontos de audiência. Foi exibida em 143 diferentes capítulos entre o dia 03 de fevereiro e o dia 18 de julho, sendo que substituiu a novela Amor à Vida e agora foi substituída pela atual novela da… Read More »

Novela Amor à Vida

Amor à vida foi uma novela brasileira que fez a cabeça dos brasileiros entre maio de 2013 e janeiro de 2014, sendo uma das novelas mais extensas de toda a rede Globo. Exibida no horário mais nobre da teledramaturgia brasileira, às 21 horas, a novela teve 221 diferentes capítulos. Entrou depois da novela Salve Jorge e depois foi… Read More »